Cúmplice?

  • O Caminheiro de Sintra
  • O Caminheiro de Sintra - Blog
  • Google+ - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza
  • O Caminheiro de Sintra - Instagram

© Miguel Boim, 2017-2019.

 

BIOGRAFIA

     Miguel Boim nasceu em Lisboa em Agosto de 1978, tendo crescido na Rua dos Fanqueiros, no centro da Baixa Pombalina, reconstruída após o Grande Terramoto de 1755.

     Na adolescência vem residir para o concelho de Sintra, época em que começa a passar dias e noites solitárias na Serra de Sintra, tendo assim ganho a experiência do reconhecimento nocturno da natureza da Serra.

​​


     

No vigésimo aniversário do Núcleo Serra da Lua, do Corpo Nacional de Escutas. Créditos fotográficos: CNE - Núcleo Serra da Lua.
Abril de 2016

    Entrado na vida adulta ingressa no curso superior de Psicologia, na Universidade do Algarve. Essa entrada é mais tarde trocada, quando em 2007 inicia a escrita das memórias vividas na Serra de Sintra, num blog ao qual chamou "O Caminheiro de Sintra", pseudónimo que doravante utilizaria nas suas publicações sobre Serra e Vila. O gravar dessas memórias entronca então com a investigação histórica sobre o Monte da Lua – que havia iniciado na adolescência –, incidindo inicialmente sobre as lendas de Sintra e passando depois a abranger toda a história do final dos anos de 1800 para trás. 

​​

As histórias da história de Sintra na Feira do Livro de Lisboa.

Junho de 2017

    Desde então publicou mais de uma centena de artigos na internet sobre a História e Lendas de Sintra, com participações em obras de diferentes autorias, e tendo o seu primeiro livro "Contos de Sintra" publicado em 2011 (ficção) e em 2014 – depois de convite da editora Zéfiro – o segundo livro, direccionado para a divulgação da investigação histórica, intitulado "Sintra Lendária –  Histórias e Lendas do Monte da Lua". Desde 2015 escreve mensalmente artigos sobre as lendas e a história de Sintra para o Jornal de Sintra. 

Na Serra de Sintra, no final da década de 1990.

     Em 2013 começa a escrever guiões e a realizar visitas interpretativas para os portugueses, baseadas quer na história e cultura de Sintra, quer nas memórias da natureza diurna e nocturna vivida na adolescência. Surgem então nesses anos parcerias com a Casa do Fauno e outras instituições e empresas de cariz cultural e turístico.

Miguel Boim, O Caminheiro de Sintra, com Nuno Vicente e Jorge Menezes, antes do evento "Uma Noite em Santa Maria, 500 Anos de Teresa de Ávila"

Com Nuno Vicente e Jorge Menezes.

Primavera de 2015. Créditos fotográficos: Lígia Cabral.

    Nos últimos anos tem vindo a revelar-se um verdadeiro contador de histórias da história. Para além dos seus passeios pedestres nocturnos e temáticos em português, tem sido presença habitual nas escolas do concelho de Sintra para a sensibilização do património material e imaterial junto dos alunos, com o seu projecto “As Lendas de Sintra e os Ratos de Biblioteca”, levado a cabo através da Câmara Municipal de Sintra e que constituiu surpresa entre docentes e alunos. Em 2015 foi também convidado para consultor de conteúdo por parte da agência multinacional de publicidade J.W. Thompson para o projecto do Museu /     Centro Interactivo de Mitos e Lendas de Sintra.

A ser recebido pelos alunos da Escola Básica 2, 3 Ruy Belo (Monte Abraão),
no projecto As Lendas de Sintra e os Ratos de Biblioteca,
apoiado pela Câmara Municipal de Sintra.
Créditos fotográficos: Teresa Sobral
Março de 2017.

Na visita Vida e Morte no Convento dos Capuchos da Serra de Sintra.

Créditos fotográficos: Rute Pio Lopes.

Ano de 2017.

A apresentação do livro Sintra Lendária - Histórias e Lendas do Monte da Lua, no Grémio Literário.

Da esquerda para a direita: Dr. Basílio Horta, Presidente da Câmara Municipal de Sintra; Miguel Boim; Alexandre Gabriel, editor da Zéfiro. Créditos fotográficos: Grémio Literário.

Em Uma Noite em Santa Maria.

Créditos fotográficos: Susana Garcia.

Abril de 2015.

com Nuno Vicente e Jorge Menezes, antes de "Uma Noite em Santa Maria, 500 Anos de Teresa de Ávila"